Embraer e Airbus procuram startups no interior de SP

Evento realizado pela aceleradora franco-americana Starburst colocou empreendedores no mercado aeroespacial de frente para investidores e gigantes do setor
starburst_embraer
Van Espahbodi (esq.) e François Chopard, os fundadores da Starburst

Estima-se que existam mil startups aeroespaciais pelo Brasil, 250 apenas em São José dos Campos, no interior de São Paulo. Por lá, na quarta-feira, 9, cinco dessas empresas estiveram reunidas para apresentar seus projetos de inovação a representantes da indústria, como Embraer e Airbus, e a investidores – estrangeiros e nacionais.

O evento foi organizado pela franco-americana Starburst, espécie de headhunther de statups para grupos como Bombardier, NASA e SpaceX. Com um portfólio de 300 pequenos negócios na área, a Starbust está em turnê pelo mundo na tentativa de engrossar seu cardápio de ofertas. O Brasil foi a última escala de uma viagem que passou pelos Estados Unidos, Alemanha e Cingapura.

Segundo levantamento realizado pela Deloitte, os recursos do setor aeroespacial para investimentos em tecnologia, em 2016, deve girar na casa dos US$ 13 bilhões no mundo, uma alta de 2,7% na comparação com o ano anterior. No Brasil, o governo federal havia anunciado um pacote de R$ 124 bilhões para o setor de defesa, considerado o principal motor do mercado aeroespacial. Mas, em virtude da recessão econômica, o projeto foi engavetado, forçando as startup locais a apontaram sua atenção principalmente para o investidor internacional

Leia mais no Estadão PME

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s